Nova revisão da lei de direitos autorais japonesa agora cobre mangá

lei de direitos autorais japonesa

O governo japonês aprovou na terça-feira um projeto de lei que expande a lei de direitos autorais para cobrir mangás, revistas e trabalhos acadêmicos, e agora pune aqueles que, conscientemente, baixam conteúdo ilegalmente carregado ou pirateado. A nova revisão também proíbe “sites sanguessugas” que agregam e fornecem links para mídias piratas. Anteriormente, a lei cobria apenas músicas e vídeos. O governo japonês pretende implementar a revisão até 1º de janeiro de 2021.

Veja a matéria completa…