Olimpíadas de Tóquio adiada até 2021 devido a pandemia de coronavírus

Olimpíadas de Tóquio

O primeiro-ministro japonês Shinzo Abe e o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI) Thomas Bach concordaram em adiar as Olimpíadas de Tóquio por cerca de um ano, devido à pandemia do novo coronavírus (COVID-19).

Desde o nascimento das Olimpíadas modernas em 1896, os Jogos de Verão nunca foram adiados antes, embora tenham sido cancelados em 1916, 1940 e 1944 devido à guerra.

Depois de falar com Bach ao telefone, Shinzo Abe disse para os repórteres: “Confirmei com o presidente Bach que não haverá cancelamento. Concordamos em realizar as Olimpíadas e Paraolimpíadas de Tóquio no verão de 2021, o mais tardar.

Abe disse que Bach concordou com ele “100%” quando propôs “um adiamento de cerca de um ano” e a decisão foi tomada para garantir que os atletas possam competir nas melhores condições e que os espectadores desfrutem de jogos seguros.

Olimpíada de Tóquio

Após a teleconferência, o conselho do Comitê Olímpico Internacional (COI) aprovou oficialmente o adiamento das Olimpíadas, que deveriam começar no dia 24 de julho de 2020, que seria seguido pelos Jogos Paraolímpicos em 25 de agosto 2020.

O Japão estava sob crescente pressão de atletas e organizações esportivas para reagendar as Olimpíadas em meio à rápida disseminação do novo coronavírus (COVID-19) pelo mundo.

A governadora de Tóquio Yuriko Koike, que também esteve com Abe durante a teleconferência, disse que o adiamento dá ao mundo um “objetivo claro” a ser alcançado até o verão de 2021, já que a batalha contra o novo coronavírus (COVID-19) deve ser vencida até então.

É provável que o adiamento causará uma cascata de ramificações econômicas, políticas e sociais. Também colocará desafios logísticos consideráveis ​​para os organizadores olímpicos e exigirá uma extensa mudança no calendário esportivo internacional do ano que vem. Mas o momento que o mundo está vivendo, a decisão do adiamento, com certeza foi a mais correta.

De acordo com dados oficiais da página Roylab Stats, que mostra os casos em tempo real, já temos mais de 413.000 pessoas infectadas e mais de 18.000 que contraíram o novo coronavírus (COVID-19) morreram. No Brasil, temos 1.980 casos confirmados, e 34 mortes até o momento em que esse artigo foi postado.

Para ver o número de casos e mortes do novo coronavírus (COVID-19) em tempo real, você pode acessar AQUI.

Via: Kyodo News / Roylab Stats


Veja também:

Dani

Dona, redatora e criadora de conteúdo da 'Garotas Que Curtem Animes'. Formada em Pedagogia, entusiasta de animes, apaixonada por coisas fofas e quase tudo da cultura oriental.